Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > FUNAG publica "Cadernos de Política Exterior n°8"
Início do conteúdo da página

FUNAG publica "Cadernos de Política Exterior n° 8"

 

Cadernos8 rotativo

 

A Fundação Alexandre de Gusmão (FUNAG) publica a oitava edição dos "Cadernos de Política Exterior", revista editada pelo seu Instituto de Pesquisa de Relações Internacionais (IPRI). A presente edição reúne dez artigos – escritos por diplomatas, acadêmicos e especialistas – sobre relações internacionais e a política externa brasileira.

A publicação inicia-se com artigo do ministro das Relações Exteriores, embaixador Ernesto Araújo, adaptado de sua palestra proferida na abertura do seminário sobre globalismo – evento promovido pela FUNAG em 10 de junho de 2019.

Na sequência, apresenta-se texto do embaixador Alberto da Costa e Silva, elaborado por ocasião da celebração do Dia da África, em 27 de maio de 2019, em evento realizado no Itamaraty.

O diplomata e historiador Bruno Miranda Zétola reflete, em seu artigo, sobre o importante papel do Itamaraty no processo de internacionalização da língua, cultura e economias criativas brasileiras.

Os Cadernos trazem, ainda, texto do embaixador Carlos Márcio Cozendey, com reflexão sobre a adesão do Brasil à Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) e as razões que justificam o interesse brasileiro em se tornar membro da Organização.

Ensaio do conselheiro Emerson Coraiola Yinde Kloss versa sobre as tratativas entre Brasil e União Europeia no processo reparatório da 10ª Conferência Ministerial (CM10) da Organização Mundial de Comércio (OMC), realizada em Nairóbi em 2015.

Tendo como pano de fundo o impacto estratégico da inteligência artificial nas relações internacionais, o ministro Eugênio Vargas Garcia analisa a questão dos sistemas de armas autônomas letais e suas implicações.

Por sua vez, o diplomata Michael Nunes Lawson investiga como o continente africano, representado pela União Africana, passou de firme apoiador a obstinado opositor do Tribunal Penal Internacional (TPI).

O economista Renato Baumann discorre sobre a relação econômica bilateral Brasil-Índia e possíveis estratégias para aprofundá-la e consolidá-la.

O diplomata Ricardo dos Santos Poletto reflete sobre as origens, os limites e a contribuição da Convenção das Nações Unidas contra o Crime Organizado Transnacional (UNTOC), por meio de releitura de sua trajetória como construção política necessária para lidar com desafios emergentes da agenda global.

Por fim, os Cadernos trazem texto do major aviador Ricardo Henrique Correia dos Santos, que investiga a produção de alta tecnologia no segmento aeronáutico e a sua importância para o crescimento da economia nacional.

A oitava edição dos “Cadernos de Política Exterior” do IPRI já está disponível para download gratuito na Biblioteca Digital da FUNAG.

registrado em:
Fim do conteúdo da página